Edital de submissão de trabalhos para o livro CORPOS TRANSITÓRIOS: NARRATIVAS TRANSMASCULINAS

  1. APRESENTAÇÃO

 A partir do momento em que nos defrontamos com a invisibilização de nosses corpes e com a ausência de consolidações simbólicas para as transmasculinidades, encontramos muito pouco sobre o que nos sustentar durante os processos de construção de nossas identidades. Não há imaginário social das transmasculinidades, nem uma cultura de ancestralidade que nos conecte com transmasculinidades do passado. Nessa ausência, encontrar nossas vozes interiores se torna um desafio e encontrar vozes que ressoem como as nossas é ainda mais difícil. O que temos hoje é algo muito recente, que clama por cada vez mais produções, reuniões e processos de subjetivação. Essas dificuldades se intensificam ao nos depararmos com uma estrutura social transfóbica que categoriza, patologiza, marginaliza e desconsidera a autodeterminação e autolegitimação de nossas identidades.

Como é possível subverter a ordem dos discursos patologizantes que constroem um modelo cisnormativo para nosses corpes? Como nós podemos construir nossas próprias narrativas e imaginários de potência de vida a partir da recente emergência das transmasculinidades nos espaços sociais?

Tendo em vista a pluralidade das transmasculinidades, em corporalidades e performances, territorialidades e intersecções, procuramos incentivar um processo de mudança cada vez maior neste cenário de deslocalização e irreconhecimento, pensando as potencialidades de corpes transmasculines produzindo vida e projetos futuros de mundos que sejam habitáveis para nós. Nesse sentido, o livro “Corpos Transitórios: Narrativas Transmasculinas” surge como um instrumento de disseminação e pluralização de nossas vozes.

Esta coletânea abriga produções transmasculinas em sua diversidade, visando registrar nossa história e saberes produzidos por nós, fazendo com que possamos construir redes de afeto e identificação, algo muito importante no que diz respeito aos processos de formação de subjetividade.

  1. DA INSCRIÇÃO E SUBMISSÃO

2.1 As produções escritas científicas, imagéticas e literárias deverão ser cadastradas na plataforma: Google Formulários, através do endereço: https://forms.gle/7zyPRmy3FCW7nxMz7

2.2 Não serão consideradas tentativas de cadastramento de produções escritas efetuadas via postal, por fax, entregues pessoalmente ou por quaisquer outros meios que não os previstos neste Edital.

2.3 A inscrição será garantida somente pelo preenchimento obrigatório de todos os campos do formulário, disposto no subitem 2.1.

2.3.1 As inscrições poderão ser efetuadas apenas nas seguintes hipóteses: possui identidade de gênero transmasculina e garante ser inédita e de sua autoria a obra submetida.

2.4 Cada trabalho deve ter uma autoria (de pessoa transmasculina) e até três co-autorias (somente de pessoas trans). Apenas é possível enviar um trabalho enquanto autore/autor principal e um trabalho enquanto co-autore/autor, não sendo consideradas submissões de instituições/órgãos coletivos.

2.5. No preenchimento do formulário, um endereço eletrônico deve ser disponibilizado para comunicação com a Coordenação do Editorial.

2.6 Para evitar problemas na comunicação por meio de correio eletrônico com a organização do Edital, recomenda-se que se efetuem configurações de liberação em seu provedor de e-mail, de modo a permitir o recebimento de mensagens provenientes do domínio editorialcorpostransitorios@gmail.com. Caso sejam utilizados recursos de AntiSpam ou filtros de segurança no sistema de e-mail, esses recursos deverão ser desbloqueados para o recebimento de mensagens cujo remetente tenha os domínios mencionados.

2.7 Havendo impossibilidade ou renúncia para prosseguir no processo, as informações relativas às propostas serão desconsideradas para este processo de avaliação.

2.8 Encerrado o prazo de inscrição, as produções escritas científicas, imagéticas e literárias cadastradas não poderão ser substituídas ou mesmo alteradas.

2.9 As propostas de tecnologias cadastradas ficam vinculadas à pessoa que as cadastrou.

2.10 A comunicação entre proponentes e comissão de organização do edital será efetivada, exclusivamente, via e-mail.

2.11 A equipe organizadora não se responsabilizará por inscrições não recebidas por quaisquer falhas operacionais/instabilidades nos sites, etc.

  1. PERÍODO DE SUBMISSÃO DE PROPOSTAS

3.1 As submissões das produções escritas estarão abertas dodia15 de dezembro de 2020 até as 23h59min (horário local) do dia01 de fevereiro de 2021.

3.2 Não será recebida produção escrita por qualquer outro meio, tampouco após o prazo final de recebimento, estabelecido no item 3.1 deste Edital.

3.3 A submissão deverá ser realizada por uma única pessoa, que será mediará exclusivamente a gestão do processo de seleção, mesmo quando houver co-autoria.

  1. ORIENTAÇÕES PARA PUBLICAÇÃO

4.1 As submissões de produções científicas, imagéticas e literárias podem estar em formato de artigo científico, ensaio, carta, manifesto e relato de experiência. Deverão ser submetidas exclusivamente em formato Word, segundo as seguintes normas da ABNT:

Alinhamento de parágrafo: 1,5cm;

Margens superior e esquerda: 3,0cm;

Margens inferior e direita: 2,0 cm.

Fonte: Times New Roman;

Tamanho 12.

4.2 As submissões de produções imagéticas podem estar em formato de ensaio fotográfico, pinturas, gravuras, desenhos e colagens. Deverão ser submetidas exclusivamente em formato Word.

4.3As produções submetidas, além de atenderem às exigências do item anterior, devem atender ao limite de páginas, sendo este igual a 15 (sem as referências).

  1. DO PROCESSO SELETIVO

5.1 A seleção dos trabalhos contará com os critérios de paridade, visando a proporcionalidade entre as categorias identitárias das transmasculinades.

5.2 Serão desconsideradas as submissões de trabalhos que não atendam às exigências deste Edital.

5.3 O processo de seleção compete exclusivamente aos organizadores deste livro.

5.4 No ato da seleção, os editores detêm autonomia para selecionar os trabalhos, conforme o limite de obras.

5.5 A divulgação de informações a respeito do processo de seleção está disponível no site da Editora Devires: editoradevires.com.br.

  1. DA PUBLICAÇÃO

6.1 Os artigos aprovados serão publicados no livro impresso Corpos Transitórios: Narrativas Transmasculinas pela Editora Devires e pela Revista Estudos Transviades.

6.1.1 O termo de concessão, disponível em anexo neste edital, deverá ser preenchido e enviado para o e-mail da organização do livro após o recebimento da aprovação da produção escrita.

6.1.2 A produção escrita considerada aprovada somente será publicada se respeitado o item 6.1.1.

6.2 No ato da submissão, as pessoas que atestam autoria da produção concordam que o valor anual total das vendas da obra será destinado para duas casas de acolhimento a pessoas trans, Casa Aurora e Casa Nem, integralmente.

6.3 Sobre as duas casas de acolhimento a pessoas trans* que receberão a nossa colaboração: (1) Casa Nem, localizada em Rio de Janeiro-RJ. Para saber mais sobre a casa, acesse instagram: @casanem_. A Casa Nem é um lar de acolhimento para pessoas trans autogerido por pessoas trans; e (2) Casa Aurora, localizada em Salvador-BA. Para saber mais sobre a casa, acesse instagram: @aurora_casalgbt. A Casa Aurora é um Centro de Cultura e Acolhimento LGBTQIA+.

  1. CRONOGRAMA DO EDITAL
ATIVIDADEPRAZO
Lançamento do edital01/12/2020
Submissão dos trabalhos15/12/2020
Encerramento da submissão dos trabalhos01/02/2021
Avaliação dos trabalhos01/03/2021
Divulgação dos resultados15/03/2021
Publicação01/06/2021

  1. DISPOSIÇÕES FINAIS

Os casos omissos e informações adicionais a respeito deste Edital poderão ser solicitadas via e-mail: editorialcorpostransitorios@gmail.com.

Organizadores:

Bruno Pfeil é estudante de Psicologia e coordenador da Revista Estudos Transviades

Nicolas Pustilnick é estudante de Psicologia e coordenador da Revista Estudos Transviades

Nathan Victoriano é estudante de Recursos Humanos, membro da Liga Transmasculina Carioca João W. Nery e coordenador da Revista Estudos Transviades.

Autores

Deixe uma resposta