Home Book O efeito negro encantado: representações étnico-raciais na era Obama

O efeito negro encantado: representações étnico-raciais na era Obama

9 min read
0
0
3
Capa de Livro: O efeito negro encantado: representações étnico-raciais na era Obama
Parte da Gênero série:
Parte da Sexualidade série:
Edições:Papel (português) - Primeira edição: R$ 42,00 BRL
ISBN 9788593646188
Tamanho: 16,00 x 23,00 cm
Páginas: 200

A partir de uma análise crítica do comercial político American Stories/American Solutions (veiculado pela campanha de Barack Obama durante as eleições presidenciais de 2008, nos Estados Unidos) e dos regimes de representação étnico-racial historicamente produzidos no/pelo cinema hollywoodiano, O Efeito Negro Encantado procura demonstrar de que maneira identidades étnico-raciais são cinematograficamente construídas, como os significados raciais nelas e por elas produzidos se relacionam com as realidades políticas e sociais de períodos históricos específicos, e os discursos ideológicos de supremacia racial que essas representações reproduzem.

Partindo da materialidade do comercial, procurei demonstrar de que maneira American Stories/American Solutions reproduz os esquemas fílmico-narrativos dos filmes com Negros Encantados (Magical Negro Films – gênero hollywoodiano introduzido no cinema americano durante a década de 1990), defendendo a hipótese de que as estratégias de representação étnico-racial adotadas pelo comercial são capazes de produzir um efeito de atenuação dos temores e ansiedades raciais do eleitorado branco-americano em relação à possibilidade de eleição do primeiro homem negro à presidência dos Estados Unidos – ou o que resolvi chamar de “Efeito Negro Encantado”.

Neste livro, defendo a tese de que, assim como no caso dos filmes com Negros Encantados, American Stories/American Solutions reproduz um discurso subjacente de normatividade branca e de subalternização da identidade negra, além de produzir um efeito de invisibilização do racismo americano, reforçando, de maneira implícita, uma ideologia de daltonismo racial.

Para além de um estudo sobre apelos raciais implícitos em campanhas eleitorais, esse trabalho parte de um campo específico para demonstrar de que maneira os regimes de representação étnico-racial produzidos no/pelo audiovisual são capazes de mediar nossas experiências cotidianas e nosso entendimento do mundo.”

Márcio de Abreu

Data de Publicação:
Editora: Devires
Editores:
Gêneros:

Autores

Load More Related Articles
Load More By Redação Devires
Load More In 

Deixe uma resposta

Check Also

Lançamento: Traduzindo a África Queer II: Figuras da dissidência sexual e de gênero em contextos africanos

A Editora Devires lança o livro Traduzindo a África Queer II: Figuras da dissidência sexua…